quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Bakairi




Toy Art da Etnia Bakairi 


#NomesOutros nomes ou grafiasFamília linguísticaInformações demográficas
29BakairiBacairi, Kurã, KurâKarib
UF / PaísPopulaçãoFonte/Ano
MT930Siasi/Sesai 2012


Povo que habita as terras indígenas Santana e Bakairi, nos municípios de Nobres e Paranatinga, no estado do Mato Grosso, ambas demarcadas e localizadas no norte do cerrado mato-grossense, à margem do Rio Paranatinga (Teles Pires). Se autodenominam Kurá, que significa gente (ser humano). A língua falada é o Bakairi, pertencente à família Karib. Sua história é marcada por muita violência, como a da maioria dos grupos indígenas no Brasil. Entre as violências contra eles praticadas, os Bakairi de Santana trabalharam na extração da borracha, inclusive nas suas próprias terras, para os seringalistas que ocuparam suas terras e foram proibidos de falar a sua língua. Parcelas desses Bakairi migraram para o Paranatinga, nas décadas de 20 e 60. Muitos anos depois é que os próprios Bakairi expulsaram os invasores de Santana, reconquistando suas terras. Os Bakairi do Paranatinga foram guias e intérpretes nas expedições de Steinen - realizadas em 1884 e 1887.

Em 1920 foi criado o Posto Indígena na Terra Indígena Bakairi (SPI). Na década de 80, são financiados projetos comunitários com recursos do Banco Mundial, que introduziram a lavoura mecanizada. Nesse período, reconquistaram uma pequena parte de terras que ficou de fora no processo de demarcação.

Os Bakairi praticam muito de sua cultura tradicional, como os rituais sagrados Kápa, Kwamby, Âriko e a Festa do Yamurikumã, que está inserida as lutas corporais feminina e masculina, o Tâdâwinpadyly, além de outros rituais coordenados pelos pajés. Destacam-se pelas suas pinturas corporais e seus cantos, assim como os povos indígenas do Xingu, seus vizinhos. Os Bakairi praticam o Huka Huka, como os povos xinguanos também o fazem. Sua população é de aproximadamente mil pessoas e participaram em todas edições dos jogos.

Um comentário:

  1. YUFEHFGGJAERRRFFGHHGHGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGDFERERWERQWQREER

    ResponderExcluir